Avatar de James Cameron


ATENÇÃO - O texto contem Spoilers

2009 foi um ano para qualquer fã de ficção cientifica comemorar. Parece que muitos filmes desse ano vão ou provavelmente irão entrar nas listas futuras de filmes importantes que fizeram a cabeça de muitos cinéfilos, principalmente aqueles que se sentiram órfãos de um projeto que relembrasse o que é o gênero e a importância dele. E para finalizar esse ano, vem um dos filmes mais importantes e por que não, um dos mais esperados de muitos anos. O retorno de James Cameron na telona com o poderoso Avatar.

Muitos ficaram questionando o que seria Avatar? O que iria acontecer realmente nesse filme. Parece piada, mas evitei qualquer tipo de propaganda ou noticia realizada sobre o filme por um motivo muito simples: o resgate a surpresa. Um projeto dessa magnitude não foi feito para nós descobrir, mas sim de ser introduzido ao novo mundo e desta vez, entramos literalmente.

Conferi comentários do filme falando sobre o que pode se dizer, do modo raso que foi a história do filme ou de como ele foi contado. Em realidade o filme é um upgrade sobre a vinda do homem em terras novas com intuitos duvidosos, a diferença em outros filmes de ficção como Distrito 9, é que em Avatar é mais direto e palpável para nós, já que lembra muito o estilo de colonização brasileira onde praticamente o país era fonte de riqueza e tinha uma matéria prima que vale muito lá fora.

Também é interessante nessa mesma temática de Avatar a construção de choques de culturas, no qual mesmo a muitos anos em nossa frente, parece que a mentalidade do homem não cresce, mas sim se limita. O interessante da ficção cientifica se reside por ai, a criação de uma história fantástica para debater ou colocar em “pratica” o desconhecido para o homem, a fantasia para deflagrar o medo, porém ao mesmo tempo a ansiedade do conhecimento. Mesmo com tópicos extremamente conhecidos pelo cinéfilo e amante do gênero, Uma analise profunda, ou até mesmo um debate amplo conseguem deflagrar o vasto mundo de Avatar.

Outro ponto interessante e vale a pena ser comentado é que a partir que entramos no mundo de Pandora aos olhos de Jake Sully (Sam Worthington, esse cara tem futuro) vemos uma flora complexa e completa, coisa que é de se assustar já que parece que cada organismo desse planeta tem uma função especifica. Acredito que o tempo de criação do filme foi mais para criar realmente um outro mundo e convidar o publico novo para um novo mundo. Nessa parte encontramos o melhor filme técnico do ano, já que muitas cenas e os efeitos são de encher os olhos e trazer o que muitos acham perdido que é a mágica dos efeitos especiais.

Outro ponto belíssimo a ressaltar é a imponente trilha de James Horner que ressalta em sua trilha o significado de uma trilha épica. Em todos os momentos, ela interage com a cena e com o publico, principalmente nas seqüências mais emocionantes do filme. Concorrente forte a ganhar o Oscar de Melhor Trilha e rival forte de Micheal Giacchino com a belíssima trilha de UP.

James Cameron sabe muito bem criar o significado da megalomania, porém diferente de muitos que tentam ser megalomaníacos e entram no fracasso, Cameron faz a diferença criando algo que é ao mesmo tempo soberbo e simples e acessível. Não existe uma parte que podemos dizer que é chata ou parada, já que ele é como muitos que constroem passo a passo o que vai ser e quando pensamos que já estamos bem, ele consegue fazer algo surpreendentemente incrível que deixamos de ser críticos e passamos a ser parte viva desse mundo incrível e que a cada momento que chega ao final do filme, ficamos tristes por saber que iremos sair dele.

Avatar com certeza figura entre o seleto grupo dos melhores do ano, mas não só na minha lista, mas de muitos que voltaram a perceber que o cinema também tem um elemento que poucos sabem manusear que é de ser arrojado e não ter medo do que será a partir do ponto onde o espectador vê a primeira cena até o belíssimo corte final. Com certeza, 2009 vai ser inesquecível para muitos cinéfilos e pode passar mais uma década e iremos olhar para trás e dizer, em uma década de altos e baixos, 2009 conseguiu fazer os nossos corações baterem mais fortes com o frescor que é a sétima arte.

Ficha Tecnica
Avatar (James Cameron's Avatar)
Diretor: James Cameron
Elenco: Sam Worthington, Stephen Lang, Zöe Saldanha, Michelle Rodriguez, Joel David Moore, Giovanni Ribisi, Wes Studi, CCH Pounder e Sigourney Weaver como Grace
Gênero: Ficção Cientifica/Drama/Ação/Fantasia
Cotação: 100%

Comentários

  1. Cameron fez um ótimo investimento em Avatar e consegue, mais uma vez, conquistar o público com um filme mágico, marcante e imperdível. Fica uma ótima sensação de "quero mais".

    NOTA (0 a 5): 4,5
    ****

    ResponderExcluir
  2. Muita gente comentou que 2009 foi um ano fraco para o cinema, mas para mim já é o melhor da década passada. O problema é que ainda nem vimos muitos dos filmes que demoram meses para chegar ao Brasil, mas só por "Avatar" e "Bastardos Inglórios" esse ano foi excepcional.

    ResponderExcluir
  3. Acho que Cameron nos entregou a grande ficção da década passada, e por isso conseguiu atingir o posto de diretor inovardor, talentoso e digno de se considerar 'o rei do mundo'.

    ResponderExcluir
  4. Eu fui ver denovo, não tinha visto em 3D mas principalmente por que queria reviver a sensação de Pandora... Fiquei sabendo por aí que vai ter uma sequencia, provavelmente não vai ser tão boa mas eu adoraria estar em Pandora novamente...

    ResponderExcluir
  5. A continuação vai ser melhor ainda, até porque os personagens já estão formados, a base do argumento também, vão ser acrescidos novos e tudo vai ser tão lindo como no primeiro, Nespoli ou Miojo.

    E, João, é mesmo um filmaço!!!

    ResponderExcluir
  6. De fato é um baita cinemão que deixa a ambição de lado e usa seus milhões para nos trazer uma experiência única que nos faz quer que o tempo de filme se dobre para nunca mais sairmos de Pandorum.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  7. Digna crítica para um filmaço! "Avatar" é um dos melhores filmes do ano.

    95%

    ResponderExcluir
  8. Resgatar a surpresa é algo importante...

    Se você conseguiu fazer isso com Avatar parabéns... pq somos bombardeados com coisas sobre o filme a todo momento!

    Quero assisti-lo o mais rápido possível...

    Abraços

    ResponderExcluir
  9. Avatar realmente é deslumbrante, principalmente no que concerne à parte técnica. Um dos melhores do ano passado, sem sombra de dúvida.

    ResponderExcluir
  10. Uma vez mais, Cameron nos oferece uma experiência única, impressionante e substanciosa.

    ResponderExcluir
  11. Bela critica! Eu não tinha nenhuma expectativa para ver este filme e acabei me surpreendendo. Só tomara que James Cameron não demore mais 12 anos para fazer um filme, rsrsrs. 2009 realmente foi um ótimo ano para os filme SCI-FI.

    Beijos! ;)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas