Postagem Dupla de Clássicos



Assalto à 13° DP de John Carpenter


Segundo longa do mestre, Assalto a 13° DP mostra o relato de uma delegacia que está prestes a fechar quando subitamente é sitiada por uma gangue desconhecida. Claro que não é necessário contar o resto da história para não perder a graça de ver esse filme. É bom lembrar também que foi o primeiro filme de John Carpenter a ganhar remake em 2005, que depois foi precedido pelo pavoroso A Névoa (original, A Bruma Assassina) e ainda o questionável e polemico Halloween de Rob Zombie.


Curiosamente é uma versão de Rio Bravo de 1959, sendo com mais profundidade e mais violência. Além disso, é um filme crescente, com uma trilha marcante, ótimas seqüências de suspense e principalmente uma das cenas mais chocantes de toda a filmografia do diretor no qual é a cena do sorvete. Ainda bem que o remake não cometeu o erro de repetir a cena. Apesar de ser um filme relativamente curto, o filme é indispensável para os fãs desse diretor que a partir desse filme conseguiu criar com passos seguros uma carreira como poucos.


Solyaris de Andrei Tarkovsky


Antes, os russos chegaram primeiro ao espaço, mas depois os americanos se intensificaram e com passos largos, ganharam o espaço na corrida espacial. Os US and A fizeram 2001 – Uma Odisséia no Espaço, um clássico definitivo da ficção cientifica e ainda colocando parâmetros que até hoje, mesmo com a tecnologia atual, são inimitáveis. E claro, existe a resposta russa, e se chama Solyaris.


Não sei se felizmente ou não, Solyaris não caiu na armadilha em criar um universo desconhecido como fez Kubrick, muito pelo contrario, Tarkovsky colocou como prioridade um outro universo, tão desconhecido quanto o próprio espaço: o homem. Com um roteiro filosófico espetacular, ótimas seqüências, atuações marcantes e principalmente uma condução primorosa de Tarkovsky que entrega ao espectador momentos únicos. Se for para dizer qual é o melhor dos dois, a resposta é claro: 2001. Mas tem que se reconhecer que a resposta russa foi a altura e merece o prestigio. Agora vamos ver como ficou o remake...


Cotações:

Assalto à 13°DP de John Carpenter - 73% - Filme Indispensável

Solyaris de Andrei Tarkovsky - 91% - Filme Obrigatório

Comentários

  1. 'Assalto À 13ª Esquadra', de Carpenter, é um dos meus filmes preferidos. É uma tensão crescente e dinâmica que angustia quem está cercado e que tão bem foi transmitida para o espectador. Claras influências dos filmes do velho oeste, afinal a sua raiz. Indispensável.

    ResponderExcluir
  2. Dois clássicos absolutos. Filmes muito bem escolhidos!!

    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Não assisti a nenhum dos filmes do post.

    João, você assistiu ao remake de "Solaris", feito pelo Steven Soderbergh? O que acha da obra?

    ResponderExcluir
  4. Red - Nem me fale, apesar de ser rapido, sabe colocar aquele arrepio na espinha como ninguem ...

    Louis - Nem me fale no apereio de achar esse de Carpenter ... ai tive que apelar pelos meios escusos ... ehehehe

    Milla - Não vi ainda ... sou daquele que vejo o original primeiro para depois ver o remake para tirar conclusões melhores ... vamos ver se é bom ...


    Abraços a todos ...

    ResponderExcluir
  5. Assalto à 13°DP, apesar de alguns erros de montagem, é uma filme de ação muito bom. Solyaris eu ainda não vi.

    Ah, obrigado por entrar na comunidade !!!

    Abraço, JP!!!

    ResponderExcluir
  6. Conheço pouca coisa do Carpenter (e esse filme nao é um deles) e, vergonha das vergonhas, nada de Tarkovsky. Estou fazendo maratonas de diretores especificos, e o russo esta entre eles. Em breve...

    Parabens pelos textos!

    ResponderExcluir
  7. Dois filmes que parecem ser ótimos que sofreram refilmagens. Não vi esses clássicos mas sim as refilmagens. Lembro de ter gostado de ambas, mas preciso rever. Como sabe, tenho o livro russo de Solaris e pretendo ler em breve. ;)

    Ciao!

    ResponderExcluir
  8. Dois filmes que receberam seus devidos remakes.
    Só vi o remake de Assalto ao 13° Distrito e gostei bastante. Gostaria de ver o original setentista.
    Já Solaris não vi nem o remake quanto mais o original, mas quero ver muito o do Tarkovsky.

    ResponderExcluir
  9. Se pudesse, veria os dois imediatamente AGORA!

    ResponderExcluir
  10. Gustavo - Você pode ... é só querer ... eheheh ... Porém foi quase uma luta achar o de Carpenter ... falta pouco para completar a filmografia dele ...

    Ibertson e Wally - Por enquanto só posso falar do remake de Carpenter e posso dizer uma coisa sincera, pode ser usado como um remake exemplo no qual colocou uma história original (tipico de qualquer policial) porém usou o espirito do original e só reaproveitou uma cena (não posso dizer qual) e isso é ponto.

    Helio - Rapaz, como diz uma musica de Louis Armstrong ... temos todo o tempo do mundo ... passo a passo meu amigo que chegamos lá.

    Pedro - Claro que senti no filme, mas pelo fato de ser segundo filme e ter um impacto significativo ... ganha muito ponto e ter a coragem de fazer algumas cenas, dificilmente é raro fazer nos dias de hoje ... e não se preocupe, estamos ai para ajudar


    Abraços a todos

    ResponderExcluir
  11. assistam à Stalker do Tarkovsky noobs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas