O fim de Harry Potter

Harry Potter sem duvida é importante para o cinema mundial. Daqui a alguns dias testemunhamos após uma década de magias, encantos e emoções. Particularmente o cinema de Harry Potter nunca me chamou a atenção, porém assim como determinadas sagas que o cinema nos entregou, existe um charme que nos faz questionar o poder maravilhoso de uma franquia.

Poderiam dizer que os fãs de Harry Potter e da saga Crepúsculo são farinhas do mesmo saco, porém na melhor analise, o que conforta a muitos é que todos os filmes de Harry Potter detêm pelo menos uma qualidade cinematográfica que consegue desdobrar o pior dos detratores com sua produção de alto nível e de um elenco de apoio sem palavras. Além claro de ter uma história mais envolvente sobre a transformação de um inocente garoto para um jovem com uma grande responsabilidade do seu destino.

Ver o seu fim é ver acima de tudo ver grandes franquias que nos viram crescer juntos chegarem ao seu fim. Não é de se acreditar que ao final da sessão, muitos fãs irão chorar não por saber que o fim chegou, mas em realidade, em saber que uma franquia do porte não vai ter mais no próximo verão e ainda mais saber que hoje estamos vivendo uma carência de grandes filmes ou daqueles filmes que queremos ver nas próximas férias.

Assim como foi Senhor dos Anéis e outras franquias famosas, os seus fãs vão ficar a lembrar cada momento de seu final e guardar para sempre algo que só o cinema pode nos proporcionar. O fim para muitos irá doer mais do que se imagina. Mas ao mesmo tempo vão dizer com muito amor e carinho: Em seu fim estava lá e foi simplesmente maravilhoso. Você fã de Harry Potter, não chore pelo seu fim, mas fique feliz por que hoje não iremos rever mais uma franquia tão poderosa quanto foi a sua.

PS: Nunca assisti um filme do bruxinho.

Comentários

  1. Pois é Johnny eu gosto quando uma história termina. Tudo passa, até a uva passa...mas Harry Potter ao menos ficará registrado para futuras gerações.

    Não vou chorar, muito pelo contrário, vou me lembrar de todas as matinês que passei no cinema desde 2001.

    Sem comparações a Crepúsculo (que precisaria de tudo para ser igual a Harry).

    Não sou fã xiita, mas é inegável, como você, que também reconhece as qualidades cinematográficas.

    Abraços
    Rodrigo

    ResponderExcluir
  2. Haha, adorei o 'ps'. Eu fiz diferente. tinha parado no Azkaban, mas nesse fim de semana me embriaguei de "Harry Potter" justamente para escrever sobre a última saga. Vi os 7 numa tacada - agora me pergunte se eu consigo diferenciá-los rs.

    Ademais, são filmes com qualidade, sim. Nenhum ficou abaixo da média. Começou de uma forma e foi ganhando tons mais maduros à medida que a franquia foi avançando. Particularmente, nenhum me encantou de forma que tenha sido uma sessão inesquecível, nem nada. São bons filmes, bons naquilo que prometem - e cumprem.

    Veremos como será a última aventura do bruxinho.

    Também não sou um grande admirado, mas também reconheço a importância da saga para o cinema. Sua relevância é inegável.


    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Sou completamente apaixonado pela série e motivos para isso não faltam. Os filmes são belíssimos, muito bem atuados e com roteiros inteligentes!

    http://filme-do-dia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Nossa, creio que para alguns não importa somente a dimensão cinematográfica da franquia, e sim, a relação dessa com os livros. Há fãs de Harry Potter que não se pode nem dizer que se parecem com Crepúsculo. Somos apaixonados pela amizade,sacrifício e até mesmo na monotonia de ser um estudante qualquer.Foi parte da minha vida. A Sétima Arte é tão fantástica por nos fascinar nas pequenas e nas grandes coisas! É vida!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas