The End Of 2008 - Primeira Parte: Os 90%

O ano acaba em poucos dias. Praticamente 2008 vão deixar sensações diferentes para o espectador. Sensações de alegrias como em ver grandes heróis retornando a tela, atores provando o seus talentos quando todos pensavam que iriam naufragar no ridículo, e principalmente filmes maravilhosos que enriqueceram nossas mentes trazendo momentos inócuos.


Mas também não foi tão alegre com fatos taxados como todo ano como a perca de entes queridos tanto em nossas vidas e no cinema, mas nesse ano guardou percas lastimáveis como de Paul Newman, Heath Ledger e entre outros. Veio também na bagagem filmes extremamente horríveis e junto com ele questionamentos característicos como “por que ele fez esse filme?” ou “Qual foi o ponto onde ele deveria parar de pagar mico?”.

Considerem esse texto como o começo do fim de um ano dúbio. Inicialmente vou postar logo praticamente os filmes que conseguiram ultrapassar a barreira dos 90% durante o ano inteiro e fazer um comentário seguinte sobre os filmes escolhidos. E se pensarem que está cedo, muitos filmes que estão fazendo o buzz, praticamente chegarão no ano que vem. Pena não. Vamos a lista.




Filmes:

The Fall - 93%

Onde os Fracos Não Tem Vez – 93%

Sangue Negro - 92%

Ensaio Sobre a Ce

gueira - 92%

Son of Rambow – 91%

Quantum of Solace – 90%




Considerações


Pode se dizer um ano lucrativo, por que muitos conseguiram ficar na faixa de 80% mas esses fizeram a diferença e conseguiram está no grupo seleto dos 90%. Sei que muitos irão questionar a presença de Quantum of Solace ou a ausência de Batman – O Cavaleiro das Trevas, mas calma, que um outro texto comemorativo de final de ano, ele terá presença confirmada.




Além disso, um fato que merece ser comentado aqui nessa primeira parte do final do ano é com certeza o desprezo das distribuidoras nacionais. Praticamente será mais um debate sem fim. A começar com alguns atrasos relativos para alguns filmes desde dia do seu lançamento; outros que dizem que tem distribuidora, mas chegar que é bom nada e o ultimo grupo onde não tem possibilidade remota de chegar.



Chega ser uma lamentável perca para nós cinéfilos deixar de saborear em tela grande belíssimas obras e ser forçado a ver em todos os cinemas filmes de baixo calão fast food, e ainda somos errados por dizer que tais filmes são ruins. (é doloroso ouvir gente que prefere filmes tipo As Branquelas do que os longas de Judd Apatow). Claro que fica a esperança de ver The Fall no cinema ou pelo menos ver Sherrybaby (grande filme) e Half Nelson.








Daqui a alguns dias tem mais... Tchau povo!

Comentários

  1. Falou pouco mais falou bonito, estou esperando a meses HALF NELSON . e não vejo outra escolha a não ser baixar o filme na net ( coisa que detesto) mais fazer que, opções agente não tem !"

    ResponderExcluir
  2. Gostei da sua lista de melhores filmes, apesar de que, na minha, nenhum dos longas está presente.

    ResponderExcluir
  3. the fall é com certeza o longa do ano. Pelo menos ate agora. Lindo poetico e sublime!

    beleza pura hedhehe

    bjoooooooooooooooo jp!

    ResponderExcluir
  4. Olá, JP! Tdo bem?

    Gostei muito da lista de melhores do ano! Aliás, estou preparando a minha lista no meu blog. Em breve estarei começando! ;)

    Beijos e tenha uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  5. Não conheço esse THE FALL. Vou atrás, parece ser muito bom ...

    ResponderExcluir
  6. Não sou muito bom de listas, mas gostei bastante também dos melhores do ano, na sua opinião, com exceção de Quantum of Solace, que é acima da média, mas não se enquadraria entre os melhores do ano para mim. The Fall é um filme absurdamente diferente e lindíssimo e Son of Rambow foi uma grande surpresa, dois filmes que provavelmente serão esquecidos nas locadoras. Uma pena!
    Não tenho nenhuma esperança de que Half Nelson vá para os cinemas, pois já faz um tempo que deveria ser lançado, assim como o ótimo Lars and the Real Girl, em duas atuações excelentes de Ryan Gosling.

    ResponderExcluir
  7. Meu Deus!!! Não aguento mais ouvir falar de The Fall, hahahahahahahahahahahhahahaha. Vou falar urgente com a Vivi, João!

    Só discordo de duas coisas: Ensaio Sobre a Cegueira não chega nem nos 80% e Sangue Negro chegaria, no mínimo, aos 95%...

    Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Um ano com grandes filmes e com grandes decepções também! A maior pra mim foi Fim dos Tempos!

    ResponderExcluir
  9. também não conheço o The Fall .

    ResponderExcluir
  10. Puxa, estou super curioso quanto a esse "The Fall", todos estão falando bem a respeito desse filme! Sua lista está ótima, apesar de "Sangue Negro" ser meu preferido do ano com nota 10. Ah, já vi "Sherrybaby" e "Half Nelson" e são grandes filmes!

    ResponderExcluir
  11. Caro Cine JP,

    O Keyzer Soze’s Place convida o moderador deste blogue a participar na votação dos Óscares de Marketing Cinematográfico, iniciativa que nomeará o melhor em publicidade de Cinema no ano de 2008.

    A votação pode ser efectuada em http://sozekeyser.blogspot.com/2008/12/scares-de-marketing-cinematogrfico.html.

    Desde já, apresento o meu profundo agradecimento na tua disponibilidade para participar nesta iniciativa.

    Cumprimentos cinéfilos!

    ResponderExcluir
  12. Ah, dá raiva mesmo das distribuidoras... ¬¬'

    Da minha lista, o único que está presente é Onde Os Fracos Não Têm Vez, para mim o melhor filme do ano, para você o segundo melhor. Ainda não vi The Fall, por isso não posso comentar, mas só de ver No Country em segundo já é satisfatório.

    Um fato interessante é a quase unânime de Sangue Negro. Uma grande parcela está com o filme entre os 5 melhores. Ainda não consegui ver nada de extraordinário nele, apesar de achá-lo um filme bom.

    Abração!

    ResponderExcluir
  13. Muito boa sua lista. Não assisti à The Fall ou Son of Rambow ainda, mas de resto, ambos Sangue Negro e Onde os Fracos Não Têm Vez entram no meu top 10, sendo que o filme de PTA deve emplacar a primeira colocação. Cegueira também é ótimo e 007 também gostei.

    Ciao!

    ResponderExcluir
  14. INDIANA JONES e NO COUNTRY FOR OLD MEN também têm presença garantida no meu futuro top.
    Bem lembrado, este ano foi terrível quanto às perdas que o cinema sofreu, desde seus artistas jovens e promissores até às maiores lendas.
    E, que mora em cidade pequena do interior, tem que se contentar com as fitas de criança, as comédias românticas açucaradas e os horrores baratos de sempre. Fitas como THE FALL e SANGUE NEGRO têm poucas chances.

    Cumps.

    ResponderExcluir
  15. Interessante sua lista de melhores, bem diversificada. Eu ainda não vi Quantum of Solace, mas o farei logo. Onde os Fracos Não Têm Vez está no meu topo de minha lista. Já Ensaio Sobre a Cegueira me decepcionou um pouco, esperava mais!

    E Half Nelson eu não resisti e baixei. É um filmaço!!!

    ResponderExcluir
  16. Falou tudo! Até hoje estou esperando por Sherrybaby e Half Nelson... =/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas