Reflexos da Inocência (Flashbacks of a Fool)

Isso é clichê. Mas isso é a realidade. A nossa melhor época é quando éramos jovens. Parece que quando acordávamos não se preocupamos muito em pagar impostos, viver em torno da faculdade, trancados num transito caótico e todos os empecilhos da rotina moderna, ou mais simples, uma rotina de adulto. É nesse momento que paramos, olhamos no mar e percebemos que envelhecemos mal e deixamos coisas boas para trás.


Quem vive hoje esse dilema existencial é o ator Joseph Scott. Um ator que hoje vive em declínio, se aprofundando nas drogas e no álcool e juntando com a rejeição de papeis em Hollywood. A sua vida ganhou novos ares quando descobre que o seu melhor amigo e companheiro de aventuras em sua juventude falece. Com isso ele vai olhar para o passado e começar a lembrar de um tempo que não voltará jamais.


Reflexos da Inocência é mais um filme independente que chega timidamente ao publico mesmo com o seu principal astro é apenas Daniel Craig, o 007 atual. O filme é dirigido por Baille Walsh, e conta em seu elenco, atores da casa e em um papel pequeno, porém nada comprometedor da rapper Eve. O roteiro do filme foca de uma maneira tranqüila e ao mesmo tempo curiosa, os bons tempos que não voltam mais, principalmente para o personagem de Joe Scott.


As atuações desse filme são interessantes. O personagem Joe Scott, inicialmente interpretado por Daniel Craig consegue está bem a vontade entregado uma atuação correta e curiosa sobre um ator decadente que mesmo com a barrocada em seu redor, cresce a sensibilidade e quando começa a segunda parte, no qual o filme entra dentro do passado do ator fictício quando ele é apenas um adolescente. Harry Eden faz uma interpretação brilhante e o resto do elenco pertecente a esse momento entra na balada de qualidade requerente ao projeto.


Reflexos da Inocência não é um dos melhores filmes do ano, em compensação a eficiência do filme é elogiável e é um projeto agradável, mesmo com alguns momentos que incomoda, mas isso no final da projeção nos faz questionar: Por que vemos o passado com vergonha? Por que será que cada olhada no passado faz chorar ou esquecer os nossos atos conseqüentes? Se brincar o verdadeiro foco do filme nunca será contar a história de um ator decadente e sim de como muitas vezes é difícil olhar para trás e não sentir emoção.



Ficha Tecnica

Reflexos da Inocência (Flashbacks of a Fool)

Direção:Baillie Walsh

Elenco: Daniel Craig, Harry Eden, Eve, Olivia Williams, Felicity Jones, Jodhi May, Mark Strong e Clarie Floriani.

Gênero: Drama

Cotação: 68% - Filme Assistivel

Comentários

  1. Não fiquei muito curioso em ver esse filme, a não ser pela elogiada performance do Daniel Craig. Abs!

    ResponderExcluir
  2. Eu achei a trama deste filme muito interessante, mas perdi a vontade de assistir ao filme depois da SET ter detonado o longa. Seu texto me oferece uma outra perspectiva sobre "Reflexos da Inocência" e me deixa, pelo menos, com a volta daquela vontade de querer assistir ao filme.

    ResponderExcluir
  3. Johnny, a trama parece ser muito bem montadinha. E eu gosto bastante deste cartaz que você postou junto com o texto...

    Abs.

    ResponderExcluir
  4. Quero ver esse filme. De preferência ainda esta semana.

    ResponderExcluir
  5. Eu quero muito assistir "Reflexos da Inocência". Antes mau ator, Daniel Craig agora aproveita-se da popularidade como James Bond para provar em dramas mais verdadeiros o seu valor como intérprete.

    ResponderExcluir
  6. Alex - Ele é um bom ator e escolhendo bem seus papeis, são passos sólidos para o sucesso dele.

    Anderson - Estreou onde você mora? Então veja como um filme descompromissado. Faz bem.

    Kau - A trama não é genial, mas o pé no chão dos realizadores fazem com que o filme seja mais atrativo do que se imagina.

    Milla - Você sabe que muitas vezes eles erram feio ... Não é o melhor filme do mundo, mas é um filme que faz bem ver e se questionar.

    Vini - Ele está muito bem a vontade nesse filme, mesmo aparecendo relativamente pouco para quem é protagonista ... mas ele tá bem e já é algo.

    ResponderExcluir
  7. Mas o Daniel Craig tá muito 007 nessa foto, isso tá.

    ResponderExcluir
  8. A divulgação foi realmente mal feita, mas é isso mesmo que cinema independente tem de enfrentar... Quero esse filme.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  9. Hmm... Interessante. Eu não havia reparado neste filme. Valeu pela dica.

    E a menina é bonita mesmo!

    Abs!

    ResponderExcluir
  10. Interessante. Craig deve fazer valer a pena. Mas até que o trailer me cativou...

    Ciao!

    ResponderExcluir
  11. O filme é mto bom... excelente fotografia, figurino e trilha sonora... melhor cena do filme é a dança dos jovens enamorados... vale a pena ver...

    ResponderExcluir
  12. gostei do post! o filme é relativamente bom, fica a desejar. mas nos permite indagar! e isso é sempre bom. bjs. stella maris.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas