Resenhas Rápidas

Apesar de não ter voltado como queria, irei adiar a segunda resenha sobre Exterminador do Futuro por problemas pessoais, peço desculpas a todos que queriam ver mais sobre dessa incrivel saga, porém ire comentar bem rápido os filmes que vi ultimamente, peço desculpas a todos


Hancock – Existe filme ruim, existe filme super ruim e existe Hancock.


Quantas vezes não nos cansamos de ver boas idéias sendo desperdiçadas por mãos incompetentes? Bem, exemplos não vão faltar claro, porém vamos falar do mais recente. Hancock é estrelado pelo homem bilheteria Will Smith que fala de um anti-heroi que quer se redimir na sociedade. Sim, o filme é bem feito mas se isso fosse sinônimo de qualidade seria outros 500. Roteiro horrível, forçado até dizer chega. Atuações precárias principalmente de Charlize Theron fazendo o seu pior papel de sua carreira. Seqüências de ação chatas e um final que subestima o espectador e faz pensar assim: que merda é essa? É Jumper... Chegou mais um filme querendo lhe derrubar no quesito de idéia boa jogada fora...


Kung Fu Panda – O Pandinha ruleia...


Os desenhos da Dreamworks seguem um caminho diferente da Pixar. Enquanto a Pixar cada dia quer se tornar a melhor produtora de todos os tempos, a Dreamworks segue o caminho alternativo, um caminho que muitas vezes compensa, de criar personagens carismáticos. Desta vez eles conseguiram o seu melhor, além de criar um personagem cativante e extremamente engraçado, conseguiram fazer em si o melhor roteiro desde Formiguinhaz, no qual explora muito bem as filosofias chinesas e a grande lição do filme consegue ser mais mágico do que o filme em si. Considero melhor do que o filme da Pixar, mas não por causas técnicas, por que um se preocupa em entregar espetáculo visual, o outro se preza no que é mais importante para um filme: Entreter o espectador.


Cotação dos Filmes
Hancock - 28% - Filme Fuleragem
Kung Fu Panda - 80% - Filme Indispensavel

Comentários

  1. Welcome back, soldier!
    Rapaz, esse Hancock para mim é bom até quando decidem contar a origem do anti-herói. Depois o filme vai em queda livre até atingir o fundo do poço. Mas achei melhor que Jumper, este último que conta com atuações muito piores do que em Hancock.

    E Kung Fu Panda vou deixar para assistir legendado. Nos cinemas daqui estão em cartaz esses dois filmes que você comentou, mas a animação está dublada. E estão querendo trazer Batman The Dark Knight dublado para cá também. Pode um negócio desses?

    ResponderExcluir
  2. Também não gostei de "Hancock", até porque a idéia central é muito mal trabalhada mesmo. "Kunf Fu Pand" é um bom filme, um tanto movimentado demais para mim, mas ainda assim muito divertido.

    ResponderExcluir
  3. OBA!!! Que bom que você voltou!

    Descansou bastante? E Petrolina?

    Ainda não conferi nenhum dos filmes. Ia ver Hancock semana passada, mas meu primo me demoveu completamente da idéia e disse para eu esperar passar na tv aberta.
    Kung Fu Panda eu só vou ver depois que o meu pequeno chegar das férias. Gosto de ver com ele...

    Beijocas

    ResponderExcluir
  4. Não sei, mas até meados de HANCOCK, eu ate estava gostando do filme. Enquanto ele era bebado, desleixado, e o coitado do Jason Bateman queria ajudar ele. Começou a aparecer a Charlise Theron e a melodramatizar a historia, ODIEI!

    ResponderExcluir
  5. Realmente, Hancock é pra quem quer esvaziar a cabeça dentro do cinema (e até hoje eu fico me perguntando: por que existe gente assim no mundo), Já Kung Fu panda, ando enjoado da Dreamworks que prefere sempre calcar sua história num personagem e deixa de lado, muitas vezes , o roteiro. Não preciso ver para perceber claramente o decréscimo em relação a Pixar. Depois de ver Wall-e, acho difícil alguém bater em criatividade e talento.

    Discutir a imprensa?
    http://robertoqueiroz.wordpress.com

    ResponderExcluir
  6. Jp, eu não tenho vontade de ver Hancock, só se for de graça, e olhe lá. Kung Fu Panda me chama atenção. Até você gostou... hehehe

    ResponderExcluir
  7. Seja bem-vindo de volta, João! Concordo com tudo o que você disse a respeito de "Hancock" e "Kung Fu Panda". O último filme, aliás, foi uma grande surpresa para mim, porque eu não esperava que fosse gostar tanto da animação da Dreamworks.

    ResponderExcluir
  8. Interessante a observação sobre os caminhos separados que tomam a Pixar e a DreamWorks. Esta última parece mesmo empenhada na diversão acima de tudo, o que não é má coisa. Vi o trailer de KFP e parece legal mesmo, verei em DVD.

    Estou com medo de ver esse filme estranho que parece ser HANCOCK e me deparar com essa bomba descrita. Seria de esperar, ao menos, um "FX film" legal.

    Cumps.

    ResponderExcluir
  9. Hancock ainda não vi, mas devo ver Domingo.

    Kung Fu Panda é mesmo muito divertido! Gostei bastante e acho que é o melhor da produtora desde Shrek 2. Agora, discordo quanto à sua indireta relacionando Wall-E, rsrsrs, o filme está longe de ser só espetáculo visual.

    Ciao!

    ResponderExcluir
  10. Mesmo assim quero ve o Hankock... e o do Panda nem preciso dizer...

    ResponderExcluir
  11. No propósito de divertir, Hancock é melhor que Jumper. De fato, o filme é despido de uma história convincente e Charlize Theron está mal, mas o que o filme disse que ia fazer, ele fez. Hancock foi vendido certo, ao contrário de Jumper.

    Nota 6.8

    Abraço!!!

    ResponderExcluir
  12. Bom, "Hancock" é realmente decepcionante e Charlize poderia ter dormido sem fazer esse filme, assim com o o Will, mas principalmente a Charlize.
    E "Kung Fu Panda" é bem divertido e descompromissado, tendo vários excelente cenários!

    Abraço
    Mateus

    Obs: Podemos te linkar no "Cinéfilos do Cinema"? =]

    ResponderExcluir
  13. A maioria das críticas que falam que Hancock começa interessante, mas na segunda parte desce a ladeira na qualidade.

    Abraço

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas