O formaldeído é uma substancia química simples e tem outro nome, metanal e é o aldeído mais simples. É muito usado para fabricação de resina; matéria prima de alguns produtos químicos; agente preservante de produtos de cosméticos e de limpeza; e principalmente em laboratórios. Assim como determinados produtos químicos, podem acarretar conseqüências danosas para o ser humano. Agora imagine o dano nesse produto em um rio (...).

O Hospedeiro chega ao Brasil por um milagre pela Pandora Filmes e junto com ele a sua fama. Sucesso por onde passa, o filme dirigido pelo diretor Bong Joon-ho, conta com o elenco Kang-ho Song (o mesmo de Memórias de um Assassino, Zona de Risco e Senhor Vingança) e o filme reinventa um gênero do terror que foi esquecido por muitos anos e ofuscado pelos filmes sobrenaturais (na sua maioria remakes sem alma).

(...) Em um modesto trailer de venda (um popular fiteiro), mora a família Park. O senhor e líder da família é o dono do trailer e ele tem três filhos. O mais novo é um recém formado, porém desempregado e tem que encarar a realidade dos fatos do seu país. A irmã do meio é uma atleta de tiro e flecha, mas em uma competição nacional ela perde o momento de glória e fica com o bronze. E o mais velho, tem problemas, por falta de proteínas ele não é tão esperto quanto se imagina, porém o que motiva a ele viver é sua filha de 13 anos, que ele a ama. E essa família vai sofrer um terrível evento por algo realmente misterioso (...).

O filme por onde passa causa furor instantâneo, um filme que participou em grandes festivais como o Saturn Awards que foi indicado para Melhor Filme Internacional para El Laberinto del Fauno e de Melhor Interpretação Para Um Jovem Ator/Atriz e perdeu novamente para Fauno. Também foi indicado ao Empire Awards, na Inglaterra, como Melhor Filme de Horror e só perdendo para O Albergue de Eli Roth e ainda concorreu com o remake sensação The Hills Have Eyes e The Texas Chainsaw Massacre The Begining. Mas o verdadeiro fenômeno se deu mais uma vez ao Rotten Tomatoes. Em suas famosas e polêmicas listas baseadas na força das criticas ao filme decorrente. The Host carimbou o seu nome nos anais dos melhores filmes já feito baseado pelo site. Além de o filme ser um dos melhores do ano, ele também está entre os dez melhores filmes de ficção cientifica já feitos, ficando na frente de Star Wars, Blade Runner, 2001 e entre outros. E a grande pergunta fica no ar, realmente ele é esse furor todo?

(...) Seguindo ordens de um coronel americano, um funcionário de um laboratório é obrigado a jogar litros e mais litros de formaldeído no rio Han e a conseqüência veio anos depois que um monstro implacável, insaciável, e assustador. E que em um ataque devastador, rapta a mais nova da família. O medo se instaura na região e a família mesmo com suas diferenças vai ter que se unir contra esta nefasta aberração da natureza.

A trilha sonora desse filme é algo incrível. O filme mostra a valorização da musica local e eleva os tons a lá John Williams e pense como isso funciona e faz com que o filme ganhe força e alma. O elenco principal é outro fator de arrancar elogios. Na maioria dos filmes catástrofe ou semelhante, sempre os personagens principais não tem simpatia, mas sim muita empatia e na maioria dos casos faz com que você, leitor, torça pela morte deles (mesmo que não morram, como no caso de Josh Lucas em Poseidon) já em O Hospedeiro não. Os personagens cativam o espectador desde primeira aparição conquistam o publico com o seu jeito peculiar de ser. E fora a melhor interpretação de Kang-ho Song, um ator que o grande público precisa saber, por que ele é um ator que só de olhar para o personagem dele e o contexto da história, já sabe que o filme é espetacular.

Agora os verdadeiros fatores que fazem que esse filme não seja apenas um mero filme de monstro. O roteiro do filme faz algo que deixa alguns fãs de horror em xeque, ou até mesmo do cinema, que é um roteiro aparentemente simples. Porém nesse filme a história simples na realidade é um plano de fundo muito além do esperado que envolva criticas a globalização e suas conseqüências. E principalmente um estudo sobre o valor da família. Mas tudo isso não funcionaria sem um diretor competente. Mas Bong Joon-ho não é um simples diretor não. Como já falado na resenha de Memórias de Um Assassino, o cara é uma verdadeira promessa, e nesse filme nos entrega o seu melhor trabalho. Ele manteve características fortes do seu filme anterior e aprimorou, no quesito de humor e emoção, e nos entregou um exemplar único de filme, onde ao mesmo tempo coloca elementos de um gênero que para alguns estava enterrado a sete palmos e nem dava mais sinal de vida e reciclou de uma maneira que provavelmente será mais um novo divisor de águas.

Ele é um ótimo filme. É assustador, é tenso, mas também é engraçado e é emocionante. Porém ele não é um filme povão. Ele não funciona para aqueles que estão acostumados a padrões baynianos ou emmerichianos. E tão pouco para aqueles que vão assistir “desligando o cérebro”. Ele é um tipo de filme para aqueles que procuram uma ótima história, personagens envolventes, cenas eletrizantes e pasmem um final surpreendente. Acreditem... Cinema de verdade e de qualidade se encontra longe do ocidente... O melhor filme do ano por enquanto. E sobre o furor do filme... É verdadeiro.


Ficha Tecnica

O Hospedeiro (The Host, Gwoemul, KOR)
Diretor: Bong Joon-ho
Elenco: Kang-ho Song, Byeon Heui-bong, Park Hae-il, Bae Doo-na, Ko A-sung
Gênero: Horror/Drama/Fantasia/Ação

Se Gostou de O Hospedeiro recomendo:

Tubarão
Memórias de Um Assassino
King Kong
Pequena Miss Sunshine

Comentários

  1. Outra das nossas coincidencias, meu caro! Também postei sobre o filme, que achei muito bom!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Opa, coloquei lá agora, pode ver, heheh!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. caramba, a resenha ta bem grandona, mas ta digna das criticas feitas a esse filme, que eu ja li!
    infelizmente ainda nao pude ver, mas assim que chegar na locadora, eu passo logo a mao.

    parabens mais uma vez joao, um grande texto!

    ResponderExcluir
  4. Sinceramente estou achando um exagero o que estão fazendo em relação a esse filme, todo essa supervalorização. Realmente é um ótimo exemplar de cinema ficcional misturado com ação além de uma crítica ferrenha ao imperialismo ianque. Ou seja, é tbm um filme politizado. Só acho que chegando ao fim a história vai perdendo um pouco a sua força. Mesmo assim, Bong Joon-ho merece parabéns pelo bom desenvolvimento geral da história. E sim, de cara nos indentificamos com o drama daquela família, sem forçar a barra ou sentimentalismo baratos. Já Memórias de um Assassino está na minha lista de próximos a conferir. Valeu Johnny!!!

    ResponderExcluir
  5. João, eu gosto muito do trailer desse filme. Acho fantástico. Conta muito da trama do filme, sem entregar os melhores momentos da película. Não sei se vou conseguir ver este filme no cinema, mas, no DVD, não vou deixar passar.

    ResponderExcluir
  6. Eu não vi o filme ainda, mas já estou começando a virar os olhos para ele....putz, será que é tudo isto que todos andam falando mesmo!!!???
    rsrrsrsrs
    bom...tenho que tirar a prova né!
    Mas, adoro a mesclagem que o cinema oriental tem em seus filmes, apesar de já ter me decepcionado muitooo....
    Abraçooo
    http://eco-social.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Com certeza, está entre os melhores filmes do ano!

    Foi uma experiência sinistra e única assisti-lo.

    Ah, escrevi um comentário mais prolongado aqui:

    http://www.hannibalsjukebox.blogspot.com/

    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. puxa, o cinema asiático anda com tudo!
    olha só, me ajuda numa votação lá no blog se for possível!
    inté

    ResponderExcluir
  9. Estou muito curioso...hehehehehe

    Além do mais, eu AMO o cinema oriental!!!!




    (cineoba.blogspot.com)

    ResponderExcluir
  10. eu já sabia da sua reação Alex ...
    mas pelo menos procurou ver Memórias de um Assassino ?

    ResponderExcluir
  11. To baixando esse filme, quero muito vê-lo e pretendo ainda essa semana, aí deixarei minha opinião sobre ele aqui.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas